Depois de 16 horas de pesquisa e teste, conversando com vários baristas, testando as melhores opções e fazendo um teste cego com amigos, nós concluímos que a Bodum Brazil é a melhor prensa francesa disponível no mercado hoje para amantes casuais de café.

Nos nossos testes, esta cafeteira fez um café limpo de pedaços de grãos, com o mesmo nível de qualidade do que prensas bem mais caras do que ela. A Brazil é fácil de limpar e usar, e produz um café rico, balanceado, livre de farelos indesejados.

Melhor Prensa Francesa: Bodum Brazil

VER O PREÇO

A Bodum Brazil produziu um café com gosto bem definido, e com consistência a cada prensada, e não perdeu em nenhum aspecto para outras prensas que custam mais caro do que ela. Todos os materiais –  o beaker de plástico, os filtros de aço e o plástico que dá acabamento externo – têm uma aparência refinada ao invés de barata, como poderia ser em uma cafeteira mais econômica.

O filtro desta cafeteira também funciona melhor, descendo com mais suavidade do que outros modelos que testamos. E o preço está abaixo da média de outros modelos de qualidade, fazendo desta cafeteira a melhor opção entre as prensas francesas que analisamos.

O design minimalista da Brazil é elegante, sem chamar muita atenção, e nos nossos testes o êmbolo desceu com mais suavidade e facilidade do que todas as outras prensas.

Outra característica desta prensa que gostamos muito é a alça triangular, que deixa a sua mão bem longe do líquido quente, quando você segura a cafeteira. Desta forma você não queima os dedos.

O vidro de borosilicato da Brazil resiste a água fervendo (apesar de que você não deve usar água fervendo para fazer o seu café).

Escolha Premium: Bodum Chambord

VER O PREÇO

No mercado desde 1050, a Bodum Chambord é a forma mais clássica que você pode esperar de uma prensa francesa tradicionar. Além disso, ela faz um ótimo café, e o corpo de aço dela é mais resistente do que o corpo de aço da Bodum Brazil. Mas tirando isso, ela utilizar exatamente o mesmo beaker e êmbolo do que a Bodum Brazil.

Esta cafeteira não é a nossa principal escolha por questão de preço – ela faz a mesma coisa do que a Brazil, por um preço muito mais alto. Mas se você preferir o corpo de aço da Chambord, e não se importar de pagar a mais, não vai se arrepender.

Quem deveria comprar

Quando se trata de produzir uma xícara de café rapidamente, nada bate a eficiência de uma prensa francesa. O processo leva menos de quatro minutos, sendo uma ótima escolha para quem quer poupar tempo na rotina matinal. As prensas francesas são compactas também, sendo uma boa escolha para quem tem pouco espaço de bancada para deixar eletrodomésticos.

Café prensado tem mais corpo do que o tradicional café passado, e uma aparência mais turva, porque o filtro da prensa francesa é mais poroso do que um filtro de papel. Algumas pessoas adoram o sabor mais robusto e oleoso do café prensado, mas outras pessoas não gostam do fato de que o café perde algumas delicadezas que alguns grãos mais sofisticados apresentam. É uma questão de gosto, de modo geral.

Nós recomendamos a prensa francesa para as pessoas que gostam de café com torra escura. Enquanto cafés com torras mais leves brilham nas notas frutadas, mais delicadas, os cafés com torras escuras apresentam menos complexidade de paladar, e são candidatos perfeitos para serem utilizados em uma prensa francesa. O café que resulta da prensa tem ‘mais baixo e menos agudo.

Mesmo se você gostar mais de torras leves, a prensa francesa é uma cafeteira fácil de aprender a usar e masterizar. As vezes o melhor café é aquele que você sabe fazer com exatidão.

++ Melhor Cafeteira Nespresso

O vidro da Bodum Chambord, separado do chasis metálico. Foto: Vini Costa

Como escolhemos

Uma boa prensa francesa tem um êmbolo bem selado, para que os grãos de café não escapem para o seu café, quando você pressiona para baixo. O êmbolo também precisa ter um filtro de aço com uma tela, para os grãos ficarem presos no fundo do pote. A tela precisa ser resistente suficiente para não se desmanchar com o passar do tempo.

A prensa que recomendamos, a Bodum Brazil, faz 350ml de café. Se você for fazer café para a família toda, é muito pouco. Mas na nossa experiência, a maioria das pessoas que fazem café na prensa francesa, não fazem mais do que essa quantidade.

A cafeteira francesa também precisa ser forte suficiente para resistir diariamente as pressões do processo de pressionar o café para baixo, e também ser fácil de limpar. Prensas de vidro precisam de uma proteção externa contra batidas e quedas.

A tela metálica que serve como filtro da Bodum Brazil.

Como usar uma Prensa Francesa

Uma prensa francesa é uma das formas mais simples de preparar café: você precisa apenas da prensa, café moído e água quente. É mais rápido fazer café nela do que passado ou em outras máquinas de café.

Nas primeiras vez que você usar, vai ter uma noção da quantidade de café necessária para ficar ao seu gosto, colocando mais ou menos se ficar fraco ou forte quando fizer a primeira vez. Quando você fizer uma proporção que goste, só prestar atenção quanto de café e água foi, e usar como padrão.

Se você quiser ser um pouco mais científico, considere uma proporção de 1-15 a 1-17 de café para água, em gramas. Então para fazer 300 ml de café, utilize 19 gramas de café moído, por exemplo. As prensas francesas usam um café menos moído do que o café passado. Então, se você não tem um moedor de café, compre cafés que não sejam moídos tão finos.

Quando os seus grãos de café estiverem no pote, derrame água que esteja a 95º C. Se você não tem uma chaleira elétrica que esquente até a temperatura desejada, espere 30 segundos depois que a água ferver, e aí pode derramar. Tampe a mistura café e água, mas não pressione o êmbolo ainda.

Espere 4 minutos, e então empurre o êmbolo até embaixo, de maneira suave. Retire o café para uma xícara. O café que continua em contato com os grãos vai continuar fermentando, e vai ficar amargo.

O copo da Bodum Brazil.

Dicas de Como Usar a Prensa Francesa